QUEM SOU

Minha foto
São Paulo, SP, Brazil
MA FERREIRA, mulher, mãe, esposa, pedagoga por formaçao, ceramista de coração. Amante da vida e das artes. Acredito que somos a mudança que queremos no mundo. Sou uma pessoa que acredita nas pessoas e na construção de um mundo melhor. Acredito que cada pessoa está onde deveria estar. Acredito que estamos na terra para evoluir. Acredito que o ser é muito melhor que o ter. Acredito numa força divina. DEUS!!!

Seguidores

BLOGS QUE PARTICIPO

  • www.mdfbf.blogspot.com
  • www.ceramicaconteporaneabrasileira.blogspot.com
  • contato: mdfbf@uol.com.br

quarta-feira, 15 de junho de 2011

PERFEITO/IMPERFEITO

Moldelei esta peça manualmente e fiz criculos vazados nela. Posteriormente fiz uma composição com o desenho.
Usei argila tabaco com chamote. Quimei em alta temperatura, 1.200 graus.

Estava em dúvida quando ao título da postagem. Alguma sugestão?



AS vezes me pergunto se mereço tanto carinho. Acabei de ver que o Clemente Germano do blog http://clementegermanomuller.blogspot.com/2011/06/arte-em-ceramica.html, fez uma postagem colocando algumas de minhas peças.
Meu coração fica tocado. A ele, meu seguidor recente, o meu carinhoso muito obrigado! de coração!
E a todos vocês que tão bem me receberam neste mundo blogosférico.


A maior perfeição parece imperfeita,
e, não obstante, seu uso é inesgotável.
A maior plenitude parece vazia,
e, não obstante, seu uso não tem fim.
A maior retidão parece tortuosa.
A maior destreza parece torpeza.
A maior eloquencia parece um gaguejar.

A inquietude vence o frio,
mas a calma vence o calor.
A paz e a serenidade deveriam ser as normas do mundo.

Texto tirado do Tao Teh King - O livro da Vida e da Virtude, Lao Tsé.
No texto original a ultima frase é: A paz e a serenidade são as normas do mundo. Pedi licença ( mentalmente ) a Lao Tsé..e mudei para: A paz e a serenidade deveriam ser as Normas do mundo.

Tao Teh King

Interpretação

As diversas correntes do pensamento religioso e filosófico através dos tempos atribuiram milhares de interpretações diferentes ao sentido do Tao Te Ching. Porém , o tema principal do livro é localizado em seu primeiro provérbio: "O Tao que pode ser dito não é o Tao Verdadeiro". O Tao Te Ching situa a origem de todas as coisas no Tao (Caminho, Senda), que longe do conceito de Deus nas religiões deístas, é um príncipio inimaginável, inenarrável, eterno e absoluto, que não pode ser compreendido, já que qualquer tentativa de classificá-lo, cria uma dicotomia que não pode existir em algo Eterno e Absoluto. Já que o Tao não pode ser compreendido, o Tao Te Ching enfatiza que não existem meios de manipulá-lo. Logo os seres devem viver uma vida simples, sem grandes questionamentos morais ou filosóficos, onde se enfatize o "não-agir" (a "não-acção",wu wei,無為 ), isto é, deixar-se guiar pelo curso natural e lógico dos eventos do universo. O homem que seguir este príncipio acaba liberto das vicissitudes da vida, e se torna o "Homem Santo" celebrado no taoísmo.
Uma filosofia deste tipo, logicamente quebra todos os conceitos e tentativas do homem controlar seu destino e demonstra que toda tentativa de se criar uma religião, uma sociedade política ou moral acaba sempre sendo infrutífera.

Interpretação tirada do site http://pt.wikipedia.org/wiki/Tao_Te_Ching

Por Ma Ferreira

Hoje estou postando no Blog.: www.tessiturapoetica.blogspot.com. O tema é Cantares de Salomão (Mandala)